some text
some text

A equipe que sustenta o trabalho educativo de nosso Colégio tem como traço ético profissional o comprometimento com a importante tarefa social que a instituição abraça. Isso já é notório e valorizado há tempos. Na atual circunstância-limite, a maneira como responde é exemplar – resultado de anos de construção. A superação da crise atual, com tamanha força-tarefa conduzida com propósitos claros, deverá fortalecer ainda mais a sinergia conquistada por esses educadores e demais colaboradores.

Os familiares, nesse regime excepcional em que, além das atividades profissionais e domésticas, têm sido parceiros dos educadores junto a seus filhos, facilitando-lhes acesso às atividades e garantindo rotina para as crianças, têm tido a oportunidade de integrar-se, por isso mesmo, de maneira muito solidária nesse coletivo formado pelo CSD. Respondem também exemplarmente no apoio a suas crianças.

Garantir o equilíbrio necessário – em termos estruturais e motivacionais – é fundamental não apenas para a episódica conjuntura. Desejamos manter a qualidade também para a fase posterior. Seria desastroso desestabilizar o quadro que assegura essas conquistas. Retomá-las nos custaria tempo indeterminado e ainda seria incerta a equivalência com o que ora conquistamos. Em termos institucionais, isso envolve muito empenho humano e poucos recursos materiais.

Manter inalteradas as condições acima expostas envolve a dedicação de 90% da receita obtida nas mensalidades contratadas com as famílias de alunos para a realização da folha de salários. Trata-se de despesa mensal fixa. Demais 10% da receita são absorvidos por tributos, material básico de manutenção e limpeza, serviços de terceiros.

A suposição de que à suspensão de aulas presenciais corresponderia redução de gastos, temos a dizer que essa economia, por si, em nosso caso é muito discreta (1 a 1,5%).

Todavia, o investimento emergencial extraordinário em insumos tecnológicos para o enfrentamento da contingência que nos impôs a prática de ensino a distância ultrapassa em muito o valor já diminuto correspondente à redução de consumo de água, luz e lanches de professores e funcionários.

Reconhecemos, por outro lado, que o desarranjo econômico atual atinge financeiramente algumas das famílias que mantém filhos no CSD e queremos nos solidarizar com essa situação.

Nossa margem de flexibilização dos compromissos contratuais, entretanto, é muito restrita. Renúncia de receitas para o orçamento anual seria medida inconsequente institucionalmente e contraditória com a missão de manter a qualidade educativa do Colégio para além do momento presente.

Mesmo assim, em diálogo com familiares e educadores a partir do Conselho de Escola, a ACSP ousa assumir algumas ações que visam ao acolhimento das famílias em situação de vulnerabilidade financeira temporária provocada pela pandemia do novo coronavírus.

Para isso, estamos contando com o exercício do direito junto à Receita Federal de adiar o pagamento de tributos (COFINS/INSS) que vencem em abril e maio. Tal adiamento, saiba-se, significa relativo alívio apenas durante o período concedido. Implicará sobreposição de parcelas entre julho e outubro. Além disso, a austeridade na realização das despesas ordinárias terá de ser maior ainda do que prevíamos quando da aprovação de orçamento justíssimo em outubro de 2019.

Contamos também com as reservas obtidas em um Fundo de Auxílio (“Nenhum a Menos”) lançado pela Equipe de Direção do Colégio em que os Conselheiros decidiram se engajar reforçando a campanha de auxílio mútuo interno a essa Comunidade.

As ações de risco médio que assumiremos em solidariedade aos familiares são as seguintes:

  • Isenção de juros e multas por atraso de pagamento de mensalidades de abril, maio e junho, desde que realizados no mesmo mês do vencimento. Para usar esse benefício na mensalidade de abril (cujo boleto já foi emitido) será necessário enviar e-mail para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. pedindo os dados bancários e agendando os trâmites da transferência.
  • Parcelamento, no cartão de crédito, de mensalidade atual e demais dívidas (quando for o caso).
  • Redução de 20% nas mensalidades de maio e junho do Semi-Integral (USINA) para quem não alterar o contrato.
  • Manutenção do desconto especial mesmo quando do atraso de pagamento da mensalidade, desde que este seja realizado no mesmo mês do vencimento.
  • Compromisso de analisar, caso a caso, situações familiares que comprovem necessidade de flexibilização de pagamentos. Análise que correrá pari passu ao acompanhamento da realização orçamentária para mensuração dos limites para as concessões. A solicitação documentada poderá ser encaminhada para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Agradecemos a compreensão e a cooperação da Comunidade Educativa e lembramos que partilhamos com vocês a responsabilidade de realizar e apoiar o projeto pedagógico do Colégio São Domingos, do qual todos nos orgulhamos!

Cordialmente,

Fernando de Oliveira Marques – Diretor Presidente
Maria do Carmo Ferreira – Diretora Tesoureira

Próximos Eventos

Nossa Senhora Aparecida

Terça, 12 Outubro 2021

Dia de Finados

Terça, 2 Novembro 2021

Proclamação da República

Segunda, 15 Novembro 2021
Setembro 2021
Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30

Próximos Eventos

Nossa Senhora Aparecida

Terça, 12 Outubro 2021

Dia de Finados

Terça, 2 Novembro 2021

Proclamação da República

Segunda, 15 Novembro 2021
Setembro 2021
Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30